Bolo Pé-de-Moleque

O bolo “pé-de-moleque” recebeu esse nome pela cor marrom, que lembra a cor dos pés da molecada quando brincam descalços. Há ainda outras interpretações, como a semelhança, quando cortado, com os calçamentos do período colonial.

Esse bolo é sucesso garantido nas festas juninas no nordeste. Em Caruaru-PE, minha cidade, tem até uma rua famosa por fazer, na época do São João, o maior pé-de-moleque do mundo – o bolo tem o formato de um pé e, acompanhado de muito forró, é destribuído pelos moradores numa das noites juninas. Tem uma receita bem rústica que é feita na folha da bananeira, assada no forno à lenha e vendida na feira de Caruaru. Outras receitas levam coco ralado. Essa versão quem me passou foi uma amiga caruaruense, Fátima, e só fiz algumas adaptações.

Ingredientes:

. 500 g de massa de mandioca (é diferente da goma, e você encontra nas bancas de tapioca nas feiras livres)

. 3 ovos grandes

. 250g de manteiga (pode ser com sal)

. 2 xícaras de açúcar mascavo (250 a 300g)

. 1 xícara (250ml) de leite com café bem forte (1 colher de sopa de café solúvel no leite)

. 1 colher de sopa de fermento em pó químico (nem muito cheia, nem rasa)

. 1 pitada de sal (não é necessário se usar manteiga com sal)

. 2 colheres de cacau em pó (se optar por usar achocolatado, diminua 2 colheres do açúcar)

. 1 colher de chá de cada uma das especiarias: canela em pó, cravo da índia e sementes de erva-doce

. 250g de castanhas de caju

Modo de preparo:

1. Bata a manteiga com o açúcar mascavo, acrescente os ovos inteiros e bata até formar um creme.

2. Leve ao fogo numa frigideira primeiro o cravo, deixe torrar um pouco e adicione as sementes de erva-doce rapidamente. Ponha num pilão ou multi-processador e triture-os. Passe numa peneira fina e vá adicionando à mistura a massa de mandioca, o cacau em pó e a canela em pó (você pode já comprar todas as especiarias em pó ou fervê-las no leite, antes de adicionar o café solúvel. Não esqueça de coar).

3. Triture as castanhas de caju (deixe umas 10 ou 12 castanhas inteiras pra enfeitar o bolo), e adicione à massa o leite e fermento em pó. Misture rapidamente!

4. Unte uma fôrma com manteiga e farinha de trigo, ponha a massa e por cima distribua as castanhas inteiras. Asse o bolo em forno médio pré-aquecido (180 a 200 graus) por uns 30 minutos. Para saber se assou, enfie um palito ou faca no bolo. que deve sair limpo e seco.

Anúncios