Bolo Souza Leão

O bolo Souza Leão é uma delícia da nossa culinária tradicional. A primeira notícia que se tem dele é de quando foi servido pela família Souza Leão — alguns senhores de engenho dos municípios de Jaboatão, Moreno e vizinhanças — ao imperador Dom Pedro II e sua mulher, Teresa Cristina, em viagem a Pernambuco. O casal real empanturrou-se.

Completando 140 anos, o bolo agora é patrimônio imaterial do estado de Pernambuco. Bem doce, herança da época em que o açúcar era usado sem parcimônia, era receita muito nobre na época – não se permitia servi-lo em qualquer utensílio. A tradição obrigava o uso de pratos de porcelana ou cristal.

Não se tem uma receita original, já que a família Souza Leão é bem grande e cada ramo dela defende uma receita. Todas levam os mesmos ingredientes, variando somente na quantidade (massa de mandioca, leite de coco, muito açúcar a até 25 gemas por receita). Cada um dos vários ramos da família Souza Leão garante que a sua receita é a verdadeira, e que os demais não passam de imitação. Acredita-se, porém, que a maior parte das receitas de Bolo Souza Leão seja proveniente de uma única cozinha: a de dona Rita de Cássia Souza Leão Bezerra Cavalcanti, casada com o coronel Agostinho Bezerra da Silva Cavalcanti, senhor do engenho de São Bartolomeu, em Muribeca. A receita que segue aqui é uma adaptação das várias que eu colhi em pesquisas e com amigos.

Obs.: essa receita não contém glúten, desde que a forma não seja polvilhada com farinha de trigo.

Ingredientes (1 bolo médio):

. 1 xícara e 1/2 de água
. 2 xícaras e 1/2 de açúcar
. 200g de manteiga
. 1/2kg de massa de mandioca
. 2 xícaras de leite de coco
. 11 gemas
. polvilho, trigo ou amido de milho pra polvilhar a forma

Modo de preparo:

1. Leve o açúcar e a água ao fogo, e dissolva até formar uma calda rala. Despeje a manteiga na calda e  deixe dissolver tambem.

2. Em uma vasilha separada, misture a massa de mandioca com o leite de coco e adicione a calda por cima.

3. Adicione as gemas com cuidado e mexendo pra não cozinharem e ponha também o sal.

4. Coloque a mistura numa forma untada com manteiga e polvilhada (com trigo ou amido de milho) e leve ao forno médio-baixo (180 graus) por 50 minutos. espete um palito ou faca e se sair limpo tá assado. Ele fica com a consistência de pudim.

Anúncios